segunda-feira, 10 de novembro de 2014

moldura engarrafada


na sombrinha a vida vem da grama
a mecha do sarau decora o mantra
o circo se quebra na corda de cima

:
o equilíbrio do malabarista
tasca-se por entre dilúvios
:
reclamações tragicofóbicas

                 quem fez da luz
vosso trigo?
outra moldura engarrafada?
:
candeia do saveiro


endereço: rosários


pense nesses atos


o tempo em breve


o azulê paga sarro
:
dentro das poucas sementes
o concreto,de fora, cabriolas
árvores aos gritos anelantes
na floresta de frente pra rua



Por Claudio Castoriadis
imagem fonte web

ShareThis

Licença Creative Commons
Claudio Castoriadis- O conteúdo deste site está licenciado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3,0 ..