domingo, 26 de maio de 2013

Algo entre tantas coisas


Pálida, a chama de uma vela que se derrama d' alvorada
É noite, pressinto o dia, ave d'aurora, algo entre tantas coisas
sombra esvaecida, arquejando, tentando, querendo ser...
Fora, oxidado, sem controle, desatento, nest'hora remoendo
A ânsia da glória, agora se perde
Um lampejo do passado.





Por Claudio Castoriadis
Sobre o Autor:
Claudio Castoriaids Claudio Castoriadis é Professor e blogueiro. Formado em Filosofia pela UERN. Criador do [ Blog Claudio Castoriadis ] Tem se destacado como crítico literário.Seu interesse é passar o máximo de conhecimento acerca da cultura >

ShareThis

Licença Creative Commons
Claudio Castoriadis- O conteúdo deste site está licenciado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3,0 ..