sábado, 2 de março de 2013

Kehlsteinhaus – o Ninho da Águia


Kelhsteinhaus ou o Ninho da Águia, é uma casa de montanha de Adolf Hitler situada a 1834m de altitude, no topo da montanha Kehlstein. Localiza-se na região de Berchtesgadener, na Baviera, sendo um dos principais ex-libris dessa região.

Bombardeado pelos britânicos em abril de 1945, o Ninho do ditador seria ocupado, em seguida, pelos americanos, que descobriram preciosidades escondidas no bunker. Havia milhares de caixas de grandes safras de vinhos, roubadas dos franceses, e obras de arte pilhadas de colecionadores judeus.

Para chegar ao cofre no qual as relíquias estavam guardadas, havia um elevador construído na rocha, com poltronas de veludo e folheado a ouro. Antes de abandonar o local, os nazistas quebraram a máquina e abandonaram as riquezas surrupiadas. Mas não conseguiram apagar a história. No fim da guerra não foi destruído, e ainda hoje pode-se admirar um belo panorama de lá.

Encomendada pelo Líder do Terceiro Império alemão, Martin Bormann como um presente de aniversário de cinquenta anos para o líder do Partido Nacional Socialista  Adolf Hitler, a Casa de chá localizada no cume da montanha Kehlstein nos Alpes da Baviera tornou-se um dos destinos turísticos mais populares no sul da Alemanha. Apesar da casa ter sido construída ostensivamente como um retiro tranquilo para Hitler, e localizar-se a uma curta distância da sua residência mais regular Obersalzberg, o Berghof, o líder nazi apenas a terá visitado poucas vezes, sobretudo devido à sua aversão ao seu medo das alturas.


O nome de “Ninho da Águia” talvez se deva à sua localização dada a altura ser propícia para as Águias edificarem os seus ninhos, ou a Adolf Hitler ser considerado a Águia da Alemanha da altura, ou de alguma forma aludir ao fato de no brasão da Alemanha Nazi constar uma Águia.

A mística que cerca a figura de Adolf Hitler tornou sua casa de repouso no topo de uma montanha na Bavária em um dos mais visitados pontos turísticos da Alemanha.

Foi anunciado que mais de 300.000 pessoas visitaram o retiro montanhês do Ninho da Águia em 2010 – um aumento de 10% em apenas um ano.




Por Claudio Castoriadis 



ShareThis

Licença Creative Commons
Claudio Castoriadis- O conteúdo deste site está licenciado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3,0 ..