domingo, 25 de novembro de 2012

MASSACRE DE PALESTINOS

Como explicar que o homem, um animal tão predominantemente construtivo, seja tão apaixonadamente propenso à destruição? Talvez porque seja uma criatura volúvel, de reputação duvidosa. Ou talvez porque seu único propósito na vida seja prosseguir um objetivo, algo que, afinal, ao ser atingido, não mais é vida, mas o princípio da morte .

Fiódor Dostoiévski



Se você gosta do - Blog Claudio Castoriadis - aproveite para curtir nossa página no facebook 

ShareThis

Licença Creative Commons
Claudio Castoriadis- O conteúdo deste site está licenciado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3,0 ..