sexta-feira, 24 de abril de 2015

Unleft


considerações do subterrâneo
memórias biodegradáveis
digo, lamentações
com sinalizadores
desfraldados

última refeição do maquinário
último
cigarro antes de ser cremado
derradeira rua antes de alcançar outra rua

frustrada tentativa de violação do importuno
ou
qualquer meridiano que chega na hora
nas datas certas de todos os ponteiros

e assim
alterna-se desajeitado

cor moletom desbotado

bem, pode ser
isso

rodas girando a cidade
depois encharcando os monitores da cidade
digerindo o asfalto encharcado nos olhos da cidade



por claudio castoriadis

imagem font web

terça-feira, 21 de abril de 2015

hipsters


e, cantava uma infinidade de corinas
dessas que não conseguimos
em definitivo
a priori
sabe como é
diferente daquelas que constituem
a natureza por necessidade lancinante
percorrendo onde restava percorrer

de costas com sua camisa xadrez
interpolando hipsters flanelados
e o que sobrou
ficou c/ os standards
esquemas semânticos, lânguidos, palhetas
cães de aluguel e engenheiros diacrônicos

por claudio castoriadis
iamgem font web

segunda-feira, 13 de abril de 2015

olsen olsen

II

quando o vate excelso caiu na curvatura
a carne de cor sanguínea rosada
perdeu seus guelfos
com apenas dois lustros de amnióticos
gritava em plena interestadual 
&
                             gritava seus recintos
                                                 tecidos
conjuntivos
nomenclaturas
de tudo como qualquer entralhado
objetos incorporais, objetos cortantes
e versões espessas a partir dos cortiços
gritava, decomposto em dois componentes:
o arrasto, antiparalelo à velocidade
e a sustentação, perpendicular

por claudio castoriadis
imagem font web

sexta-feira, 10 de abril de 2015

olsen


III
sem pressa, resenhou planuras de alcantilas
quase como se quisesse ser indecidível
na qualidade de respingo ao contrário
disposto em séculos
é o que estás a ver
as devas estão surdas
e, no seu estômago, estiletes engatilham
dispostos em forma de decotes redobrados

por claudio castoriadis
imagem fonte web

terça-feira, 7 de abril de 2015

untitled



eu vou pela esquerda e você pela direita
não se preocupe com as garatujas
todas foram enjauladas
saracoteadas
por pontas de cigarros
qualquer coisa
já sabe
¿objeções
vestir-se de luto?
!não
seja solstício
quero dizer nesse cataclismo, claro
siga pelas sendas recobertas por cardos

claudio castoriadis
imagem fonte web

domingo, 5 de abril de 2015

enquadramentos


seguro uma plaquinha de saída-exit
inteiramente fora da escala
quilomentrado em prelúdios
                 quase tarantino
aurático
não preciso do menor esforço inventivo
ou
rito
confessionário
para pronunciar ranhuras
carnadura botânica
bustos contorcionistas tombados
nunca precisei cerrar os pulsos de ninguém
para me perder

nem confundir minhas parolagens
nem profanar a respiração de quem dorme 

por claudio castoriadis
imagem fonte web

sexta-feira, 3 de abril de 2015

om


as nuvens que não se convertem
em objetos não identificados
se prendem na chuva
fugindo do céu
                          [na terra tambor
gestos aquáticos
                        [batidos na crina

do meu criador
meu mantra sânscrito


por claudio castoriadis
imagem fonte web

city and colour


congregávamos numa constelação enigmática
enquanto eu contava os trocados 
você fazia diagnósticos sobre meu humor
fazia uso da verticalidade ao seu dispor
sempre pelos astros inabitáveis
desses, de um extremo ao outro - descontrolados
tínhamos mantimentos, cobertores, comida, abrigo
tínhamos cabelos tumultuados
parafusos cambiantes
tínhamos a gente
eu carregava crônicas na mochila
carregava o clima dallas green
aquele do city and colour...
.

por claudio castoriadis
imagem fonte web

o homem unidimensional


algo de ruim se alojou nos olhos das pessoas
fez da vista, relações catalogadas
portões unidimensionais 
apodrecendo a gravidade que sustentava a sensibilidade
que sustentava o entendimento, que sustentava tudo quanto
enquanto benevolência - fertilidade, redenção

claudio castoriadis
imagem font web

ShareThis

Licença Creative Commons
Claudio Castoriadis- O conteúdo deste site está licenciado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3,0 ..